Menu
Landing Pages, Marketing Digital

Você sabe o que é landing page?

Que o Inbound Marketing veio com força dentro do marketing digital, isso não é novidade. Dentro dessa técnica, há uma série de estratégias que compõem o sucesso da empreitada. Entre elas, estão as landing pages. Você sabe do que se trata?

 

Se alguém perguntasse a qualquer dono do próprio negócio “qual é o seu objetivo?”, a resposta facilmente seria “vender mais” ou qualquer outra coisa do gênero. Para isso, é preciso primeiramente atrair potenciais clientes, certo? É exatamente neste ponto que as landing pages entram em ação.

 

O que é uma landing page?

As landing pages são páginas desenvolvidas especialmente para captar usuários — e informações valiosas — em estratégias de marketing digital. São páginas simples e sem muitos elementos que possam distrair o visitante do objetivo principal, que é convertê-lo em potencial cliente.

 

Converter um visitante nada mais é do que fazê-lo realizar uma ação de modo. Essa ação deve fazê-lo avançar no funil de vendas, se tornando uma oportunidade de negócio. Nesse sentido, as landing pages funcionam para capturar determinadas informações, por meio de formulários, de modo que esse visitante — que agora é um lead — comece a ser alimentado com conteúdos que o façam ficar cada vez mais perto de realizar a compra do produto ou serviço.

 

Já que falamos sobre capturar informações, você deve saber — melhor do que ninguém — que nós não ficamos distribuindo nossos endereços de e-mail e outros tipos de dados por aí, sem mais nem menos. É aí que entra também a landing page.

 

A landing page não é uma página de conversão com um formulário. É uma página que coloca em evidência uma oferta, em troca do fornecimento de algumas informações. Mas oferta do quê? A resposta é simples: daquilo que pode interessar o seu público. Pode ser um e-book sobre um tema interessante, a assinatura de uma newsletter ou mesmo a solicitação de um orçamento.

 

A nutrição deve estar alinhada ao funil de vendas

Considerando que o objetivo da landing page é transformar um visitante em lead para, então, conduzi-lo até a etapa de compra, é preciso entender que essa nutrição deve estar alinhada à etapa do funil de vendas na qual a oferta estava inserida. Explicamos: sua empresa é um hotel do nordeste. O e-book que você oferece é sobre “Festa de casamento ou viagem de lua de mel: vale a pena trocar?”.

Depois de coletados os e-mails de quem baixou este e-book — provavelmente, pessoas que ainda estão pensando em casar —, o próximo disparo que você faz é o de um post falando sobre as 5 praias paradisíacas de Fortaleza. Ou então o anúncio de um desconto no pacote de lua de mel. Percebe que não há uma estrutura sólida neste caminho? Há um salto muito grande no funil. Dificilmente alguém que ainda está pensando em casar vai decidir, na semana seguinte, por uma lua de mel em Fortaleza.

Funil de vendas

Agora que você já sabe um pouco mais sobre o que é landing page e como ela funciona, que tal descobrir as oportunidades que você está perdendo por não coletar dados dos seus clientes e os tipos de landing page para converter?